Rua Pe. Martinho Pinto da Rocha São Tomé, São Tomé e Príncipe
+239 2223455

Santo Isidoro terá um santuário em Ribeira Afonso, Distrito de Cantagalo, garantiu o pároco

O Frei Claudino Vieira da Congregação dos Frades Menores Capuchinhos pretende levar a cabo a construção de um santuário dedicado a Santo Isidoro, padroeiro de Ribeira Afonso, no Distrito de Cantagalo.

Imagem Oração a Santo Isidoro LavradorMelba Ceita – Rádio Jubilar, São Tomé.

Santo Isidoro foi lavrador, nasceu em Madrid, capital da Espanha, no ano 1070 e morreu a 15 de maio de 1130. Filipe II, rei da Espanha, foi curado de uma grave enfermidade quando pediu com fé a intercessão de Santo Isidoro Lavrador. Por isso, ele mesmo formalizou o pedido oficial de canonização do santo junto à Santa Sé.

No ano de 1622, o papa Gregório XV, celebrou sua canonização juntos com as de Santo Inácio de Loyola, São Francisco Xavier, Santa Teresa d’Ávila e São Filipe Néri. Santo Isidoro lavrador foi instituído padroeiro dos trabalhadores rurais, dos desempregados, dos indígenas

Na diocese de São Tomé e Príncipe, o dia do Santo Isidoro é 10 de Janeiro. Segundo a tradição os cristãos são juízes da referida festa e têm como missão ajudar na organização e nos dias 10 de cada mês devem dirigir-se a Igreja para cumprir a tradição e fazer a sua penitência, até ao próprio dia da festa.

A construção do santuário é para dar resposta a todos os peregrinos que acorrem a Ribeira Afonso para veneração de Santo Isidoro, a maior veneração em São Tomé Príncipe.

O Frei Claudino Vieira, garante que se viram a necessidade de proporcionar aos peregrinos um lugar acolhedor e aconchegante como forma de viver correctamente a sua fé.

A obra está orçada em cerca de meio milhão de euros, sem contar algumas questões que ainda não estão incluídas apesar do elevado custo da referida obra.

O pároco da Ribeira Afonso, aproveitou os nossos microfones para agradecer aos arquitectos pela disponibilidade que tiveram em fazer o referido desenho.

O Arquitecto Edgarnilson Lourenço, garantiu que o Santuário está composto por 3 áreas distintas que são: A primeira é a área central que alberga o altar, haverá um edifício comunitário que comportará dois pisos, sendo que o primeiro terá uma sala de Cortes e Costuras para senhoras, uma sala para exposição do artesanato e produtos locais, arrumos e instalações sanitárias para senhoras, senhores e demais peregrinos.

No segundo haverá um gabinete de gestão do espaço, restaurante incluindo a cozinha, instalações sanitárias, uma varanda virada para o mar que dá a possibilidade dos visitantes desfrutarem a beleza da baía. O último edifício será o da catequese, com 6 salas e uma sala para cartório, uma sala de reunião, arrumo e respectiva casa sanitária e também de atendimento, cozinha, arrumo e quartos suites para o padre.

Para o Bispo Dom Manuel António, a construção do santuário vai servir para evitar que alguns curandeiros vivam na custa do santo Isidoro em Ribeira Afonso, também vai ajudar na purificação da fé do povo, transformando Santo Isidoro no santuário onde as pessoas entrem e vivam uma fé cristã autentica.