Rua Pe. Martinho Pinto da Rocha São Tomé, São Tomé e Príncipe
+239 2223455

Sacerdotes e Consagrados se reuniram para o Retiro Anual em Trindade

Os sacerdotes e consagrados da Diocese de São Tomé e Príncipe estiveram em retiro dos dias 28 de julho a 2 de agosto, na antiga Casa das Irmãs Doroteia, hoje administrada pelos Missionários Claretianos, com o tema “Os cinco sentidos”.

Os sacerdotes e consagrados da Diocese de São Tomé e Príncipe estiveram em retiro dos dias 28 de julho a 2 de agosto, na antiga Casa das Irmãs Doroteia, hoje administrada pelos Missionários Claretianos, com o tema “Os cinco sentidos”. O pregador foi o Pe. Frei António Fidalgo de Barros, Custódio dos Franciscanos Capuchinhos em Cabo Verde.

Durante o retiro, o pregador aprofundou a dimensão espiritual dos nossos sentidos, considerando que “os sentidos corporais, que depois se projetam em outros tantos espirituais, são vias de acesso polifónicas na diversidade que a vida precisa para exprimir-se”.

O retiro terminou na manhã de sexta-feira, dia 2 de agosto, com a Eucaristia presidida pelo Bispo Diocesano, D. Manuel António, na qual os padres e consagrados retornaram para as suas comunidades de origem renovados e fortalecidos pelos momentos de oração, partilha e confraternização vividos ao longo do encontro.

O retiro anual, além de ser uma obrigação canónica que está prevista pelo Código de Direito Canónico, c. 276 § 2 4º), é também uma oportunidade para o crescimento espiritual dos presbíteros e para reforçar a unidade diocesana.

“Em tempos difíceis, mais do que naqueles de paz, a prioridade para os fiéis é estar unidos a Jesus, nossa esperança”, disse o Papa Francisco, em mensagem pelo twitter na manhã do dia 5 de julho de 2019.