Rua Pe. Martinho Pinto da Rocha São Tomé, São Tomé e Príncipe

Bispo Diocesano

Manuel Antonio dos Santos

D. Manuel António Mendes dos Santos

D. Manuel António Mendes dos Santos nasceu em São Joaninho, Distrito de Viseu (Portugal), no dia 20 de Maio de 1960, filho de uma família numerosa, com três irmãos e quatro irmãs. Em 1978 ingressou no Seminário Menor da Diocese de Lamego e, mais tarde, passou para o Seminário da Congregação dos Missionários Claretianos em Carvalhos, Vila Nova de Gaia.

Feito o noviciado em Loja-Granada, Espanha, emitiu a sua primeira profissão em Fátima, a 26 de Setembro de 1980, e a profissão perpétua no dia 16 de Setembro de 1883. Frequentou os estudos filosóficos e teológicos entre 1978 e 1985 no Instituto das Ciências Humanas e Teológicas do Porto, e na Universidade Católica Portuguesa de Lisboa.

Foi ordenado presbítero na sua terra natal a 20 de julho de 1985. De 1985 a 1993, permaneceu no Seminário “dos Carvalhos” (Vila Nova de Gaia), onde exerceu as funções de promotor vocacional da Província Claretiana Portuguesa (1986-1993) e de Formador e Reitor do Seminário Menor “dos Carvalhos” (1989-1993). Sucessivamente, de 1994 a 1995, fez a experiência missionária em São Tomé, donde partiu em 1995 para a especialização em Teologia Pastoral na Pontifícia Universidade Salesiana, em Roma. De regresso a Portugal, de 1997 a 2001 foi Pároco de São Sebastião e responsável pela Vigararia do Coração de Maria na Diocese de Setúbal.

No dia 19 de Abril de 2001 foi eleito, no X Capítulo em Fátima, Superior Provincial dos Missionários Claretianos.

De 2003 a 2005, foi Presidente da Conferência Nacional dos Superiores Maiores dos Institutos Religiosos – CNIR.

No dia 1 de Dezembro de 2006 o Papa Bento XVI o nomeia Bispo Diocesano de São Tomé e Príncipe, sendo ordenado no dia 17 de Fevereiro de 2007, no Santuário de Fátima, pelo Cardeal José Saraiva Martins, até então Prefeito para a Causa dos Santos.

Entrou solenemente na Diocese de São Tomé e Príncipe no dia 18 de Março de 2007.

Bispo Emérito
D. Abílio

D. Abílio Rodas de Sousa Ribas

(1984-2006)

D. Abílio Rodas de Sousa Ribas nasceu em Várzea do Soajo, Arcos de Valdevez (Portugal) em 2 de Fevereiro de 1931. Ingressou na Congregação do Espírito Santo e do Coração Imaculado de Maria onde, no dia 8 de Março de 1953 efectuou os votos perpétuos, sendo ordenado presbítero no dia 21 de Setembro de 1957.

Em 1968 especializou-se em Pastoral Catequética pelo Instituto Católico de Paris.

Como missionário em Angola, assumiu ininterruptamente as mais diversas responsabilidades, dentro e fora da sua Congregação: Superior de Missões, Pároco, Professor e Reitor dos Seminários Menor e Maior de Luanda e do Seminário Interdiocesano do Huambo. Foi ainda Superior Principal da sua Congregação, Diretor da Emissora Católica ”Rádio Ecclesia” e Secretário da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé e Príncipe (CEAST).

No dia 21 de Dezembro de 1984, quando exercia em Luanda o cargo de Secretário Adjunto da Cáritas de Angola, foi eleito Bispo de São Tomé e Príncipe pela Papa João Paulo II.

Foi ordenado Bispo na Catedral de Nossa Senhora da Graça, em São Tomé, no dia 24 de Fevereiro de 1985, tomando posse nesse mesmo dia. Dom Abílio Ribas exerceu com ardor o seu múnus apostólico na Diocese de São Tomé e Príncipe até a sua renuncia no ano de 2006.

Bispos Anteriores
  • D. Diogo Ortiz de Vilhegas (1533-1540)
  • D. Bernardo da Cruz, OP (1540-1553)
  • D. Gaspar Cão, OSA (1554-1572)
  • D. Martinho de Ulhoa, OCist (1578-1592)
  • D. Francisco de Vilanova, OFM (1592) -1602)
  • D. António Valente, OP (1604-1608)
  • D. Jerónimo de Quintanilha, OCist (1611-1614)
  • D. Pedro de São Agostinho Figueira de Cunha Lobo, OSA (1615-1620)
  • D. Francisco de Soveral, OSA (1623-1627)
  • D. Domingos da Assunção, OP (1627-1632)
  • D. Manoel a Nativitate do Nascimento, OSH (1674-1677)
  • D. Bernardo de Santa Maria Zuzarte de Andrade, CRSA (1677-1680)
  • D. Sebastião de São Paulo, OFM (1687-1690)
  • D. Timóteo do Sacramento, OSP (1693-1696)
  • D. António da Penha de França, OAD (1699-1702)
  • D. João de Sahagún, OAD (1709-1730)
  • D. Lendra a Pietate, OAD (1739-1740)
  • D. Tomas Luíz da Conceição, OAD (1742-1744)
  • D. Ludovico das Chagas, OSA (1745-1747)
  • D. António Nogueira (1753-1758)
  • D. Vicente do Espírito Santo, OAD (1779-1782)
  • D. Domingo Rosario, OP (1782-1788)
  • D. Rafael de Castello de Vide, OFM (1794-1800)
  • D. Caetano Velozo, OFM (1802-1803)
  • D. Custódio de Santa Ana de Almeida, OAD (1805-1812)
  • D. Bartolomeu dos Mártires de Maia, OCD (1816-1819)
  • Sede Vacante: Governada por Vigários Gerais (1819-1941)
  • D. Moisés Alves de Pinho, CSSp (1941-1966)